Planeta América Latina - Eventos, Promoções e Novidades!

Confira os eventos, promoções e novidades em sua cidade. Aqui, no Planeta América Latina!

Teresa Kodama, Coordenadora de Políticas para Mulher

Teresa Kodama, Coordenadora de Políticas para Mulher

A procuradora Teresa Kodama foi apresentada oficialmente nesta sexta-feira (29/05) como a Coordenadora de Políticas para Mulher da Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania, em cerimônia realizada na sede da Associação Paulista da Magistratura (Apamagis).


Participaram da cerimônia, o secretário da Justiça, Aloísio de Toledo César, o vice-presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, Eros Piceli, e o vice-presidente da Apamagis, Miguel Petroni Neto, além de diversas lideranças do movimento feminino de diversas regiões do município de São Paulo e Estado, como a presidente da Comissão da Mulher Advogada e conselheira da OAB-SP, Katia Boulos, representando a presidente em exercício da OAB-SP, Ivette Senise, e a procuradora Luariana Pantano.


Designada para a função em maio deste ano pelo secretário da Justiça e da Defesa da Cidadania, Kodama foi, pelos últimos três anos, assessora especial da Coordenação. Como coordenadora, ela espera contar como uma maior estrutura para impulsionar a luta pela igualdade de gêneros, contra qualquer tipo de discriminação.

 


Para Teresa Kodama houve muitos avanços no movimento feminino, mas ainda há bastante a ser feito, com a união de todos os esforços. “O momento é de agregar, de somar, de unir, com todas os segmentos da sociedade, com  todas as lideranças femininas, com todos os órgãos do poder público, com todas as instituições, inclusive nacionais e internacionais, para que o objetivo seja atendido”. O secretário da Justiça reforçou o apelo pela unidade de todos pela defesa dos interesses das mulheres.

Na solenidade, o secretário da Justiça se pronunciou sobre questões relacionadas a casos de violência contra as mulheres. Toledo César defendeu a abertura à noite e finais de semana das delegacias da mulher. “Uma mulher que é agredida à noite, precisa de um lugar para ser acolhida. E esse tipo de fato acontece principalmente à noite e nos sábados e domingos. É preciso que ao menos uma delegacia fique aberta nesses períodos”, disse.

 

Teresa Kodama nova coordenadora estadual de Políticas para Mulheres, compromete-se trabalhar junto as imigrantes latino-americanas

O vice-presidente do Tribunal de Justiça do Estado, Eros Piteli, concordou com a proposta do secretário da Justiça e propôs ampliá-la. “É uma satisfação para nós do Tribunal da Justiça poder colaborar com a ideia de criar um plantão não apenas policial, mas para evoluir nos moldes das audiências de custódia unindo a magistratura, o ministério público e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB)”.


Piteli ressaltou o avanço das mulheres na sociedade citando como exemplo o Tribunal de Justiça do Estado que se mostrou conservador nesse aspecto. “A presença da mulher na magistratura quando comecei há mais de 30 anos era quase nula, mas se pensarmos no lado bom da reversão da magistratura paulista que até então era muito conservadora, constatamos que hoje ela está repleta de competentes juízas”.


Ao final da solenidade, Teresa Kodama foi homenageada com um ramalhete de flores pela presidente do Comitê da Ação Social e Cidadania do Tribunal de Justiça, Maria Luiza de Freitas Nalini, e com uma escultura pela coordenadora estadual do PSDB do Vale do Paraíba, Linda Saba.
 

 

 

Veja as fotos do evento