Planeta América Latina - Eventos, Promoções e Novidades!

Confira os eventos, promoções e novidades em sua cidade. Aqui, no Planeta América Latina!

Valorização dos meios de comunicação alternativos dos imigrantes em São Paulo

Valorização dos meios de comunicação alternativos dos imigrantes em São Paulo

 

Potencializar os meios alternativos dos imigrantes foi pauta defendida pelo Instituto Planeta América Latina, na 1ª Audiência Pública do Programa de Metas da Prefeitura de São Paulo em 2017.


A 1ª Audiência Pública do Programa de Metas da Prefeitura de São Paulo 2017/2020 aconteceu na quinta-feira 6 de abril, no Sindicato dos Engenheiros do Estado de São Paulo e contou com a participação da sociedade civil. Nesta etapa, que conta com audiências temáticas e regionais, serão ouvidas as demandas da população, que poderão ser enviadas até 30 de abril pelo site Planeja Sampa planejasampa.prefeitura.sp.gov.br

A Mesa foi composta pela secretária municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS), Sonia Francine; Cid Torquato e Marinalva Cruz, secretário Municipal da Pessoa com Deficiência e adjunta, respectivamente, e Daniela Castro, secretária-adjunta dos Esportes.

 



Em entrevistam ao Bolívia Cultural, Soninha expressou a vontade que tem de ouvir a maior quantidade de integrantes da sociedade civil, além de funcionários dos equipamentos municipais de São Paulo. "Ouvir ajuda em muito a projeção de soluções para problemas da cidade" complementou a autoridade.

 

Valorizar meios de comunicação alternativos dos imigrantes na cidade São Paulo

Entre as reivindicações e propostas para esta nova gestão da Prefeitura de São Paulo, Antonio Andrade, imigrante boliviano, presidente do Instituto Planeta América Latina, colocou em pauta a importância que a nova prefeitura deve direcionar ao meios de comunicação alternativos da cidade, já que estes são de fato únicos canais que conseguem informar efetivamente com o mínimo de ruídos as informações ao público das periferias, tribos urbanas, e ou grupos humanos com afinidades culturais bem específicos, como os imigrantes que mantem uma especificidade extremamente peculiar no universo global da migração contemporânea. "...Reconhecer, capacitar e investir nesta rede de comunicação já existente será a metodologia preventiva de menor custo e maior beneficio para a cidade"… finalizou Andrade.

Combate ao alcoolismo e violência familiar

 

A campanha "YO CUIDO A MI AMIGO" foi muito bem recebida pela secretária Soninha que expressou o interesse de fazer parte deste movimento, já que o alcóolismo acossa a sociedade e tem que ser combatida em todos os ambientes e de todas as formas possíveis.

A campanha existe a dois anos, criada por imigrantes visa combater o consumo irrestrito de bebidas alcóolicas dentro das comunidades de imigrantes latino-americanos na cidade de São Paulo.

 


Demandas da sociedade civil paulistana na ponta do dedo

Já estão abertos os canais para recebimento das demandas da população. Em maio serão encerradas as audiências públicas e cada secretaria fará um compilado de todas as contribuições recebidas e haverá publicação de devolutiva aos munícipes, para posteriormente, elaboração da versão final e publicação do Programa de Metas 2017-2020. Entre os critérios usados para contemplar as contribuições estão a disponibilidade orçamentária e o impacto da ação na vida dos cidadãos.

Cinco eixos temáticos serviram como norteadores da atuação das secretarias envolvidas da Prefeitura: Desenvolvimento Social, Desenvolvimento Econômico e Gestão, Desenvolvimento Humano, Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente e Desenvolvimento Institucional.

planejasampa.prefeitura.sp.gov.br