Bonita do Sertão: de Alohá de la Queiroz para Ana Miriam, na Alemanha

Representação da MULHER nordestina!

Publicado em

Inspirada no texto "Bonita", da dramaturga Dione Carlos, a vídeo-carta produzida por Alohá de La Queiroz representa a narrativa de uma mulher do sertão. Personagem forte, mulher do cangaço, guerreira dos grupos cangaceiros. Alohá de La Queiroz é gestora do ponto de cultura Kasinha Bay4us, localizado na Zona Leste de São Paulo, e performer há três décadas na cena paulistana. Seus trabalhos mais recentes retratam a emancipação feminista e a esperança da luta das mulheres.

A obra faz parte da Mostra Vídeo-cartas: Conexões Migrantes, que é resultado de um laboratório multicultural de oficinas audiovisuais realizado no Sesc Carmo com apoio do Fórum Internacional Fontié ki Kwaze - Fronteiras Cruzadas (ECA-USP).

Investigando a vídeo-carta como gênero artístico na busca por conectar pessoas e narrativas separadas pelo contexto geopolítico e econômico atual, as performances audiovisuais refletem sobre a memória afetiva e as narrativas dos participantes em relação a experiências de migração, deslocamentos, refúgio, exílio ou saudades.

Publicidade
Publicidade

Deixe um comentário