Festa da Casa do Migrante celebra o fim do jejum do Ramadã

Um bolo com a escrita “Eid Mubarak”, que significa “Tenha um abençoado Eid (festa)”, está colocado numa mesa central do refeitório.

Publicado em
Festa da Casa do Migrante celebra o fim do jejum do Ramadã

Fonte: Missão Paz

O clima é de festa! Muçulmanos de Camarões, Angola, República Democrática do Congo, Marrocos, Guiné, Costa do Marfim e Burkina Faso estão celebrando o fim do Ramadã. São todos moradores da Casa do Migrante que por causa da pandemia, vivem o clima da quarentena. Junto com eles está um grupo de cristãos. E todos estão unidos na festa.

A comida foi preparada pela Claudia e Cecília, cozinheiras da casa, com a colaboração de um grupo de Angola e Congo. O resultado foi uma harmonia de sabores da África central. Uma pessoa de religião muçulmana leu uma mensagem de agradecimento (cfr. foto) e logo em seguida padre Antenor, diretor da Casa do Migrante, tomou a palavra, sublinhando a riqueza da diversidade e a importância da convivência pacífica e respeitosa.


Fotos Missão Paz

Publicidade

Deixe um comentário