Paulistanos receberam com muita alegria a YUNZA 2019

A 8ª edição do Carnaval Andino de São Paulo “YUNZA 2019” recebeu o caloroso público paulistano que acudiu a prestigiar o festival banhado de alegria no Memorial da América Latina

Publicado em
Paulistanos receberam com muita alegria a YUNZA 2019

A 8ª edição do Carnaval Andino de São Paulo “YUNZA 2019” recebeu o caloroso público paulistano que acudiu a prestigiar o festival banhado de alegria, música, dança, gastronomia, arte e cultura, apresentada pelas comunidades migrantes, que mais uma vez caminham a passos firmes pela integração social, reivindicando seu direito legitimo a manifestações culturais e sociais dos povos imigrantes.

Bruno Covas, Prefeito da cidade de São Paulo afirma que na cidade de São Paulo não existe espaço para a xenofobia nem o racismo.

Bruno Covas, Prefeito da cidade de São Paulo em visita à festividade peruana da (YUNZA 2019 - Carnaval Andino), foi enfático ao comentar que na cidade de São Paulo não tem espaço para a xenofobia nem o racismo, que as expressões culturais e força laboral dos imigrantes ajudam a engrandecer a principal capital da América Latina.

 

Presidente do Memorial afirma que a Fundação fortalece o vínculo da cultura e imigração em São Paulo

Jorge Damião, novo presidente do Memorial da América Latina convidou aos paulistanos e imigrantes que moram em São Paulo visitarem cada vez mais os espaços do Memorial, "esta é a casa dos que falam português e espanhol no Brasil" foram as palavras do presidente do Memorial.

Espanhol e português de graça no Memorial

Damião informou em primeira mão que o Memorial irá realizar em breve aulas gratuitas de espanhol para brasileiros, e de português para estrangeiros.

Novo presidente do principal equipamento da cultura latino-american em Brasil

Jorge Damião ex-secretário de Esportes do governo foi nomeado presidente do Memorial da América Latina pelo Governador Doria, na quarta-feira (13) de fevereiro de 2019. Fundado em 18 de março de 1989, o Memorial é um projeto do arquiteto Oscar Niemeyer. Construído em uma área de 84 000 metros quadrados na Barra Funda, na Zona Oeste de São Paulo, estrutura criada com o objetivo de ser um núcleo de expressões culturais e políticas da América Latina.

São Paulo apóia a diversidade cultural dos imigrantes

Prefeitura de São Paulo junto as suas distintas secretárias bem apoiando a diversidade cultural dos imigrantes na cidade dos mil povos.

Berenice Giannella, secretária municipal de Direitos Humanos e Cidadania, valorizou a diversidade do povo peruano e latino-americano, afirmando que a Prefeitura de São Paulo bem apoiando junto as suas distintas secretarias, todo tipo de expressões culturais dos povos imigrantes na cidade paulistana.

Portas abertas

Berenice, lembrou também o projeto "Portas Abertas" que tem a finalidade de ensinar o idioma português para adultos imigrantes nas escolas da rede municipal. O domínio do idioma português para os imigrantes oferece maiores possibilidades de sucesso num mercado tão competitivo na atualidade. O projeto é promovido pela Prefeitura de São Paulo e Secretária de Educação.

Autoridades prestiguiam o Carnaval Andino em São Paulo

O Carnaval Andino foi prestigiado com a visita do Prefeito da Cidade de São Paulo Bruno Covas, o Vereador/Senador Eduardo Suplicy, a Secretária de Direitos Humanos Berenice Giannella, o Secretário de Turismo Orlando Farias, e o Presidente do Memorial da América Latina Jorge Damião, que foram recebidos pelas realizadoras do evento, a Cônsul Geral do Peru Lourdes Hilbck e a Presidenta da ALAC Tania Bernuy.

O evento cultural andino aconteceu no domingo 31 de março no Memorial da América Latina, no bairro da Barra Funda em São Paulo.

Com base no texto da organização.

Deixe um comentário