Preso Ygor Rivas pelo assassinato de Suely Fernandes

O cidadão boliviano Ygor Rivas Chambi entregou-se voluntariamente na parte da manhã de domingo (23) de fevereiro, no 72° DP em São Paulo.

Publicado em
Preso Ygor Rivas pelo assassinato de Suely Fernandes

Segundo o pai do criminoso, Ygor decidiu se entregar para a polícia motivado pelo temor de ser ajustiçado pelo crime organizado da região, devido ao alto grau de sadismo no assassinato da jovem Suely gravida de 7 meses, que comoveu a cidadania paulistana pelo nível de covardia e sadismo paulistana em geral.

Os agravantes no feminicídio são bem específicos, estendendo a pena do criminoso até 30 anos de reclusão.

O crime aconteceu na manhã de sexta-feira (21) de fevereiro no bairro do Jardim Brasil em São Paulo. O assassino Ygor Rivas após desferir as facadas em Suely Cláudia Fernandez Argani fugiu a bordo do próprio carro. 

Suely Cláudia Fernandez Argani, foi enterrada na parte da manhã do dia domingo (23) de fevereiro no Cemitério Municipal Nova Cachoeirinha, cituado na Av. João Marcelino Branco, sn - Vila Nova Cachoeirinha- São Paulo - SP.

A Importância da Lei do Feminicídio no Brasil



COMPARTE A CAMANHA "YO CUIDO A MI AMIGA"

 

"SI HOY ACEPTAS SER GOLPEADA, UN DIA PODRÁS SER ASESINADA"

"DE CADA 2 ASESINATOS, UNA MUJER ES MUERTA POR SU COMPAÑERO"

"EL ALCOHOL AUMENTA EN 90% LA PROBABILIDAD DE SER VÍCTIMA DE UN CRIMEN"

"80% DE ASESINATOS DE MUJERES, SON COMETIDOS EN SUS HOGARES"

Deixe um comentário