Planeta América Latina - Eventos, Promoções e Novidades!

Confira os eventos, promoções e novidades em sua cidade. Aqui, no Planeta América Latina!

Festa boliviana de ALASITA em São Paulo - Brasil

Festa boliviana de ALASITA em São Paulo - Brasil

Festa da abundância e festejada a por imigrantes bolivianos e paulistanos na cidade dos mil povos.

Como é tradição o acontecimento tradicional foi celebrado na quarta feira 24 de janeiro em distintos pontos da cidade paulistana.

 

 

EKEKO Deus da abundância

O EKEKO, deidade mística tem muitos fiéis que buscam melhores condições financeiras. A tradição "*paceña" é festejada desde o ano de (1991) na Pça. Padre Bento no bairro do Pari. De lá pra cá, já faz parte do calendário festivo da cidade de São Paulo, uma das maiores cidades do mundo, mostra que os imigrantes vem ao Brasil, mas não esquecem suas raízes religiosas muito menos sua fé.

 

EKEKO - personificado pelo artista "Juan Cusicanki"
(o artista boliviano, interpreta o Ekeko a 6 anos em SP)

Àqueles que desejam alcançar o sonho da casa própria ou ter um carro, compram miniaturas destes bens "**alasitas" e os colocam em suas casas perto da imagem, bem como miniaturas de notas de dinheiro falsos em dólar e euro.

A crença religiosa explica que tendo suas graças alcançadas é fundamental ser grato, por isso muitos fiéis cedem cigarros que são colocados na boca da imagem de Ekeko. O final do ritual se dá depois das cinzas serem guardadas na carteira, segundo os fiéis esse ato traz mais dinheiro e prosperidade.

* próprio da cidade de La Paz na Bolívia
** compre-me

 

Os eventos da tradição "paceña" de maior expressão em São Paulo foram:


- Alasita 2018 no Memorial da América Latina
Associação Gastronômica Cultural e Folclórica Boliviana Padre Bento - Feira Kantuta

- Alasita 2018 no Parque Dom Pedro II
ASSEMPBOL - Associação de Empreendedores Bolivianos da Rua Coimbra

- Alasita 2018 na Rua Coimbra
Parte dos comércios fixos da R. Coimbra

- Alasita 2018 - Penha
Fernando Mena e Maria Caguana, comerciantes do bairro da Penha

 

 

 

Dona Pancha, idealizadora da primeira "ALASITA" em "terras Tupiniquins"

A boliviana Esperanza Francisca Yujra, com ajuda da família foram organizadores sa primeira ALASITA na Pça. Padre Bento, bairro do Pari na capital paulista em (1991). A primeira feira da abundância começou com (4) barracas.

A Sra. Esperanza mora em Brasil a mais de (30) anos, neste tempo tem sido influencia para suas filhas, Verônica, e Rocio, na criação de projetos socioeducativos direcionado a jovens imigrantes na praça Kantuta, uma mostra explicita do empreendedorismo tradicional das mulheres na sociedade boliviana.