Marco Espinoza e seu sabor peruano pelo qual o paladar brasileiro é apaixonado

O Chef peruano Marco conseguiu unir a alta gastronomia peruana a uma proposta empresarial consolidada.

Publicado em
Marco Espinoza e seu sabor peruano pelo qual o paladar brasileiro é apaixonado

Por Nathaly Jimenez

Marco Espinoza é um chef peruano reconhecido internacionalmente. Seu restaurante Taypá: Sabores del Perú ganhou o prêmio de Melhor Restaurante de Brasília em 2011. Em 2015, seu restaurante Lima Cocina Peruana foi premiado pelo Guia Michelin. Este ano, eles inauguraram com sucesso Cantón peruano e chinês oferecendo nosso tradicional chifa.

“Desde muito jovem a minha mãe transmitiu-me o amor pela cozinha”, recorda Marco, recordando os seus primeiros anos a trabalhar ao lado da mãe entre sobremesas ou bolos. Essas doces iguarias que mais tarde foram vendidas em seu bairro de Surquillo.

Seus pais Tomás e Irma sempre buscaram horizontes melhores para os seus. E foi assim, que aos 16 anos, Marco viu sua mãe partir para a Argentina, onde conseguiu ser governanta da Embaixada do Peru naquele país.

Marco Espinoza e seu sabor peruano pelo qual o paladar brasileiro é apaixonado

Esse sacrifício que a afastou da família permitiu que ao terminar o ensino médio, com apenas 18 anos e sem futuro definido, Marco conseguisse uma vaga na embaixada.

Esforço de vida

Sua chegada à Argentina o encontrou novamente com o abraço de uma mãe e um emprego como garçom na embaixada. E assim foi que com apenas três meses no cargo e por ocasião de um jantar organizado pela embaixada, sua vida cruzou-se para sempre com a alta gastronomia quando conheceu a famosa chef Dolli Irigoyen.

“Quando a chef chegou, ela descobriu que faltavam cozinheiros. Ele me viu parado ao lado e disse: Você, venha ... nos ajude! Embora não soubesse nada de culinária, ajudava em tudo o que me pediam ”.

Marco Espinoza e seu sabor peruano pelo qual o paladar brasileiro é apaixonado

Dolli viu no jovem peruano a técnica da culinária e ofereceu-lhe uma carreira profissional na gastronomia com meia bolsa. Marco iniciou sua trajetória no Instituto Argentino de Gastronomia, incomum pela recusa de sua mãe, que jamais imaginaria estar diante de um futuro chef da alta gastronomia.

Seu primeiro restaurante

Uma coisa levou a outra e entre fogões e cozinhar começou a funcionar na cozinha da embaixada. Demoraria apenas dois anos para Marco ser o único a sucedê-lo depois que o chef executivo se aposentou.

Marco Espinoza e seu sabor peruano pelo qual o paladar brasileiro é apaixonado

Aos 20 anos, ele carregava essa responsabilidade e, assim, oito anos voaram; até que renunciou para perseguir o sonho de sua vida: seu próprio restaurante.

Assim nasceu "Moche: Manjares del Perú" no coração de Palermo Hollywood, em Buenos Aires. Viveu glória como um dos melhores restaurantes peruanos da Argentina, mas depois da crise teve que fechar suas portas depois de dois anos e meio.

Nova visão

Isso, longe de intimidá-lo, incubou em Marco a visão de levar sua cozinha para o Brasil. Como prova de seu talento sabia que devia apresentar sua arte e fazê-los delirar com seu sabor. E assim, por meio do Embaixador Hugo de Zela, então Embaixador do Brasil; tornou o Festival da Comida Peruana uma realidade em Brasília.

Foi um sucesso e os donos do local onde as iguarias foram degustadas não hesitaram e sugeriram que ele ficasse e foi assim que nasceu "Taypá: Sabores do Peru".

No primeiro ano seu compromisso brasileiro com a culinária peruana é reconhecido pela prestigiosa revista Veja de Brasília como "Restaurante Revelação da cidade".

Marco Espinoza e seu sabor peruano pelo qual o paladar brasileiro é apaixonado

Seguiram-se os reconhecimentos e assim em 2013 e 2014 destaca-se como "Melhor Restaurante da Cidade" e como "Chef do Ano". Em 2011, atinge a Ordem “Ao Mérito por Serviços Destacados” concedida pelo Estado Peruano, além de ser representante da culinária peruana no Brasil.

A expansão continuou e em 2013 abriu as portas a “Lima Cocina Peruana”, reconhecida em 2015 pelo guia Michelin, com quatro unidades em todo o Brasil. Em 2017 é inaugurado “El Chaco: Argentine Grill”, com dois locais e em 2020 começa o Sagrado Mar para que este ano finalmente nasça em Copacabana Cantón Comida Peruana & Chinesa.

Chifa peruana no brasil

“Os chefs peruanos são fundamentais na minha cozinha, há quatorze chiferos em Cantón. Trabalharam nas chifas mais reconhecidas do Peru ”, explica Espinoza, que em julho abriu seu segundo cantão em Brasília e, em setembro, planeja uma sede em São Paulo.

Entre seus clientes mais reconhecidos estão a ex-presidente do Brasil, Dilma Rouseff, ministros do atual governo brasileiro, jogadores de futebol, cantores e os filhos do atual presidente Jair Bolsonaro, que se declaram fãs da comida peruana.

Marco Espinoza e seu sabor peruano pelo qual o paladar brasileiro é apaixonado

Os Estados Unidos são o próximo passo na cozinha de Espinoza. Sua família tem sido a pedra angular na realização de seus sonhos. Hoje seus pratos deliciam os paladares brasileiros, cumprindo seu objetivo máximo, tornar o sabor da gastronomia peruana conhecido em todo o mundo.

Mais dados:

-O Instituto Argentino de Gastronomia é líder no ensino da gastronomia na Argentina. Famosa por ter chefs como Ariel Rodríguez e Osvaldo Gross em suas fileiras.

-Dolli Irigoyen é uma das chefs mais reconhecidas da Argentina e da América Latina. Destaca-se como cozinheira, professora de culinária, comunicadora, dona de restaurante e pesquisadora.

-O Guia Michelin é o mais antigo dos guias europeus de hotéis e restaurantes. Atribui de uma a três estrelas aos estabelecimentos gastronómicos que se destacam pela qualidade, criatividade e dedicação dos seus pratos.

fonte: andina.pe

CAMI - Live América Indígena: Identidades e Resistências

Publicidade

Deixe um comentário